quarta-feira, 22 de junho de 2011

Assim nasce uma estrela

Pode parecer tarde, ou que eu não me importei em escrever, ou qualquer outra coisa, mas de verdade não é. Eu só tive tempo e animo pra estar aqui agora, o tom é sério mas estou muito mais feliz do que a felicidade pode expressar. Passamos momentos felizes durante a gestação, as madrugadas em que passei acordado conversando com você, lhe falando sobre a vida, música, esportes, literatura, filmes e tudo o que é importante na vida. Hoje sei que você ouviu tudo e que um dia vai aproveitar tudo o que já conversamos.

Sei que você vai crescer como a linda criança que você é, que vai ser muito inteligente, vai ser uma mulher maravilhosa. Desde já te vejo como a filha mais especial do mundo, mais importante que alguém pode ter. Sei que o tempo vai passar voando e logo você vai estar me chamando pelo nome "Cleyton" e que logo depois vai me chamar de papai, só pra me pedir alguma coisa, só espero poder aproveitar cada instante ao teu lado e se um dia você ler isso, você possa sorrir e me beijar o rosto. Espero que entenda tudo o que faço por você, espero que seja uma vida tranquila, que eu possa te dar tudo o que você merece.

Quando olho teus olhinhos, vejo tua boquinha, teus pezinhos, mãozinhas, orelhinhas, tudo o que fazem de você uma sementinha minha, me enchem o coração de amor, porque o que sinto por você é muito mais do que amor, mas só conheço essa palavra pra representar, e neste momento em que estou com os olhos mareados, com a garganta embolada e o peito dolorido de saudade, declaro meu eterno amor pra você minha filha, você nada mais é do que a razão da minha vida, o motivo pelo qual eu estou vivo e feliz. Mais que feliz por que você é tudo o que sempre sonhei e mais.

Te amo Rafaelly, conta sempre com teu pai, ele é bobo (babão) e sempre vai dar a vida por você, hoje e sempre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário